De acordo com a polícia, ainda não foi possível identificar se houve gravação de outros hóspedes antes do casal do ABC, que achou a câmera video porno de bate-papo gay no dia na maioria Arabe porno ao vivo 25 de janeiro.
O, uOL não conseguiu entrar em contato com o video sexo real camera empregada proprietário do apartamento.
O caso, o casal de noivos, da região do ABC, pretendia passar quatro dias no litoral paulista.Anfitrião banido, ao, uOL, a Airbnb informou que baniu permanentemente o usuário dono do apartamento em São Vicente."Depois que fizeram o boletim de ocorrência, eles se transferiram para um quarto de hotel porque não se sentiam mais seguros ali conta.Agora, ela negocia os custos extras.Segundo advogada, a empresa já reembolsou o casal pelo aluguel do quarto.Desconfiado, o casal chamou a polícia e fez um boletim de ocorrência."Caso estejam em outros locais da casa, essa informação deve ser divulgada no anúncio.".



Ao chegarem à residência, na Ilha Porchat, no dia 25, notaram uma luz vermelha atrás do espelho do quarto.
O apartamento fica na Ilha Porchat, um dos principais pontos da cidade no litoral de São Paulo, e foi alugado pela plataforma Airbnb, que informou já ter banido o proprietário por infringir as regras.
O homem, de identidade não divulgada, tem 38 anos e trabalha como modelo em Zurique, na Suíça.Ao, uOL, as autoridades que comandam a investigação informam que ele não mora no Brasil.O homem desligou o aparelho.Leia também, a investigação também pretende descobrir se a filmagem ficou armazenada em algum lugar ou se era transmitida on-line."As regras de uso da plataforma são claras ao proibir câmeras em quartos ou banheiros diz a nota.

O regulamento da Airbnb proíbe qualquer câmera de segurança que não esteja explicitamente visível na casa dos anfitriões.
A câmera foi recolhida e encaminhada ao Instituto de Criminalística para investigação.
A possibilidade, no entanto, não está descartada.


[L_RANDNUM-10-999]